terça-feira, 20 de abril de 2010

Pago de Cirsus Vendimia Seleccionada 2006

Espanha, DO Navarra. Iñaki Nuñes elabora este tinto a partir de um corte de Cabernet Sauvignon (40%), Merlot (40%) e Tempranillo (20%) e promove um estágio de 6 meses em barricas de carvalho francês (80%) e americano (20%). 14% vol álc.

Rubi, reflexos granada, brilhante e denso.

Nariz fechado. Apresenta frutos maduros, principalmente amora e groselha, que, aliás, é quem dá as boas vindas. Herbáceos, especiarias e baunilha, todos discretos, complementam a paleta olfativa. Pouca evolução durante a degustação.

Em boca é quente, encorpado, taninos "quase" maduros e acidez bem presente, proporcionando excelente frescor. Aromas de frutos negros surgem e dominam o retrogosto. Boa persistência.

Gostoso e gastronômico, este navarro possui um estilo diferente dos tradicionais vinhos espanhois, no entanto, sem apelar, extremamente, para a semelhança com o perfil mais comum dos vinhos do novo mundo. As características das 3 castas estão presentes e bem integradas, sem a predominância de uma ou outra casta. Irá melhor com a companhia de comida. Nesta ocasião provei com bacalhau e foi muito bem. Carnes vermelhas, pratos encorpados e rústicos serão ótima companhia, também.

Deve apresentar positiva evolução nos próximos dois anos e tem estrutura para se manter em bom estado por mais uns 3 a 5 anos.

Importado pela Decanter, é comercializado ao redor dos R$45-R$50. Boa compra.

2 comentários:

Anônimo disse...

Aparentemente, pela foto, pelo preço e pelo tempo em barrica, a resenha se refere ao OAK Aged e não ao vendimia seleccionada... talvez seja melhor você se certificar.

Marcus disse...

Anônimo, a foto pode não ser mesmo a do Vendimia Seleccionada, pois na ocasião não fotografei a garrafa e a foto em questão foi obtida na web. Mas o vinho provado, certamente foi o Vendimia Seleccionada.

Agradeço o comentário.

Marcus

Alguns outros posts interessantes...