terça-feira, 2 de março de 2010

Terra d'Alter 2008

Português, do Alentejo, este tinto é elaborado por Terras d'Alter Companhia de Vinhos. Em seu corte entram a portuguesa Touriga Nacional e a francesa Cabernet Sauvignon em proporções iguais. Estágio de 6 meses em barricas de carvalho francês antes do engarrafamento e comercialização. 13,5% vol álc.

Em taça apresenta cor rubi profundo, denso, brilhante e com reflexos violáceos.

Nariz apresenta intenso frutado, com frutas vermelhas e negras, onde a groselha se sobressai. Após algum tempo em taça, surgem, também, madeira e especiarias, com pimenta negra mais evidente, além de discretos aromas de baunilha e pele de salame.

Medianamente encorpado, seus taninos estão vivos e redondos, porém mais macios do que se pode supor para um vinho tão jovem. Acidez marcante. Aromas de boca são marcados por notas vegetais. Fim de boca com mais madeira e frutado ao fundo. Persistência 20+.

Mais um bom vinho trazido pela Sociedade da Mesa, este português agrada. Não pela tipicidade, que eu não encontrei, mas por ser um vinho bem feito, próprio para o dia a dia e momentos descontraídos. É um daqueles vinhos feitos no "velho mundo", com cara de "novo mundo". É boa companhia para carnes, ensopados, por exemplo, queijos etc. Não creio, no entanto, que irá muito bem com molhos (brancos ou de tomate).

2 comentários:

Vinho para Todos disse...

Marcus, nossas impressões foram as mesmas em relação à falta de tipicidade e ao fato de que é um vinho feito para o novo mundo. Bem feito e a preço justo.

http://vinhoparatodos.blogspot.com/2010/02/terra-dalter-tinto-2008.html

Abraço.

Gil

Marcus disse...

Grande Gil,

É verdade. Eu acho uma pena, e vc resume bem em seu post: "Vinho português tem que ter tipicidade, deve demonstrar características da região produtora, de suas uvas.".

Com relação ao seu comentário sobre o Condado de Almara, concordo plenamente, foi o melhor vinho que já provei de lá.

Outro que me agradou, não sei se vc provou, foi o Pagos del Galir, um vinho feito com a uva Mencia, só que este mais pro dia a dia.

Valeu pela visita!

Forte abraço,
Marcus

Alguns outros posts interessantes...