quarta-feira, 30 de setembro de 2009

O 100o. post: Vertical de Don Melchor - 1987 a 1992



Como parece estar na moda falar de verticais do chileno Don Melchor, segue uma dica: a Casa Ouro, aqui de Brasília, tem à venda um box com 6 garrafas, uma de cada safra entre 1987 e 1992. O box parece ter sido bem acondicionado, com cuidados na temperatura e exposição à luz solar. O precinho, simbólico, é de R$3000,00.

Eu fui procurar no site da CyT e as safras 1991 e 1992 já estão esgotadas na vinícola, logo, este box é, praticamente, uma raridade. Pra poucos e exclusivos.

Não foi desta vez, mas quem sabe não esvaziamos estas garrafas no 500o. post.

4 comentários:

silvestre disse...

marcus boa noite,

Degustei a puco tempo a safra 1991 e foi uma grande surpresa, estava fantastico.

Marcus disse...

Opa Silvestre,

Tens idéia de como deve estar a 1987? Será que suportou bem estes 22 anos?

Abs.,
Marcus

felippe disse...

Olá meu nome é felippe tenho uma garrafa do vinho Almadén 1987 Ugni Blanc ele vale alguma coisa? também tenho uma garrafa de um chateau duvalier deve ser da mesma dadta vale algo?
Obrigado.

Marcus disse...

Opa Felippe, como vai?

Cara, valor tem, nem q seja sentimental... Mas no aspecto comercial, precisa ver (e comprovar) como foram armazenados, se estiveram adegados nas condições adequadas ou não, se há referências recentes de outras degustações destes mesmos vinhos e safras etc...

Se tua idéia é vendê-los, é bom procurar algum enófilo interessado em vinhos nacionais antigos.

No entanto, de antemão, posso te dizer que vinhos brancos, em geral, não costumam envelhecer tão bem, portanto, é possível que este Almadén já esteja além da sua melhor fase, ainda que tenha sido conservado em condições adequadas...

Se queres uma boa referência de prova de nacionais mais velhinhos, a revista Prazeres da Mesa deste mês (ou do passado) têm uma prova de tintos nacionais de safras mais antigas, alguns até da década de 1970, mas há que se lembrar que os tintos envelhecem melhor que os brancos...

Boa sorte com as relíquias.

Abs.,
Marcus

Alguns outros posts interessantes...